Data Representação de um calendário 05/03/2022

Curso de extensão universitária no exterior: como funciona?

Um curso de extensão universitária no exterior oferece mais do que conhecimentos teóricos. Leia o artigo e saiba como funciona esse tipo de formação!

Em um mercado de trabalho tão competitivo, investir em capacitação e conhecimento nunca é demais. E fazer um curso de extensão universitária no exterior é uma excelente forma de aprimorar seu currículo.

Um curso de extensão universitária complementa e inova os conhecimentos obtidos por profissionais recém formados ou que já estejam no mercado de trabalho. Agora, imagine obter tudo isso em uma experiência acadêmica internacional?

Neste artigo, vamos mostrar como o curso de extensão universitária é indicado para aqueles que desejam expandir seus horizontes e investir em uma carreira no exterior.

Então, continue a leitura e confira!

O que é um curso de extensão?

Acima de tudo, uma universidade é formada por três pilares: ensino, pesquisa e extensão.

Os programas de extensão são uma maneira de comunicação entre a universidade e a comunidade onde está inserida.

E os cursos de curta duração oferecidos são excelentes formas de se especializar e se atualizar, sem necessariamente estar matriculado na instituição de ensino em questão.

No exterior, a principal função dos cursos de extensão universitária é suprir as demandas do mercado de trabalho. Com menor duração e custo do que uma pós-graduação, esse tipo de especialização é bastante atrativo para estudantes internacionais.

Isso porque você terá aulas com os mesmos professores do mestrado e doutorado, mas conta com a vantagem de uma grade curricular mais enxuta e flexível.

A seguir, saiba mais sobre esse tipo de formação em solo internacional!

banner-diplomas-exterior

Como funciona a especialização no exterior?

Conforme dissemos, os cursos de extensão são mais baratos e mais rápidos do que os de pós-graduação ou mestrado.

Eles são uma excelente opção para aqueles que desejam fazer uma especialização no exterior, principalmente porque a burocracia é muito mais simplificada do que em outros casos.

Além de possuírem ofertas durante o ano todo, na maioria das vezes o processo de candidatura é descomplicado. Isso porque basta fazer a inscrição e enviar uma carta explicando o motivo do seu interesse de estudar na instituição.

Ainda, como são cursos de curta duração, você não precisa obter o visto de estudante: o visto de turista já pode ser suficiente para essa situação, na maioria dos casos.

Esta é uma oportunidade e tanto para você melhorar seu currículo com uma experiência no exterior, aprendendo mais sobre sua área de atuação.

Algumas das áreas de maior destaque entre os cursos de extensão no exterior são:

  • Administração de empresas;
  • Gestão de projetos;
  • Recursos Humanos;
  • Finanças;
  • Direito;
  • Ciências políticas;
  • Marketing;
  • Design;
  • Turismo;
  • Artes.

Faça um curso de extensão universitária no exterior com a Intercultural

Países como Estados Unidos, Canadá, Austrália e Reino Unido são reconhecidos pela qualidade de seus cursos de extensão.

Já imaginou estudar em instituições como Harvard e Oxford? Com essa modalidade de ensino, é possível – e acessível!

Um curso de extensão universitária no exterior é uma ótima opção para quem precisa se especializar rapidamente. Além disso, se você também busca uma experiência em universidades renomadas, essa é sua chance!

Então, entre em contato com a equipe Intercultural para saber mais sobre como investir em sua carreira acadêmica e profissional com essa modalidade de intercâmbio!