Data Representação de um calendário 07/08/2013

Cynthia Bolzan dá as dicas de Paris!

Cynthia Bolzan dá as dicas de Paris!

Tá com viagem marcada pra Paris e não sabe onde comer-beber-badalar?
Cynthia Bolzan acaba de voltar de lá e dá todas as dicas pra você!
Cynthia é a metade da dupla com Bernardo Amorim, criadores do Must Do, site parceiro da Intercultural, e que dá dicas incríveis de festas, moda, comportamento e tudo mais que a gente não pode perder em Florianópolis.
Ela acaba de voltar de uma breve temporada em Paris e conta tudo o que há de obrigatório no verão parisiense:

“Paris é uma cidade em que eu não posso dar somente um estilo de dicas must do, Paris é Paris! Paris é mágico… Você pode curtir a capital da luz de inúmeras maneiras, desde de um jantar no L’atelie até sentada na grama de algum parque no Marais tomando um rosé.
Para quem está indo para lá, com certeza deve entrar na #mustdolist um piquenique na Place des Vosges ou no Jardim de Luxembourg, isto é algo que todos os parisienses fazem no verão”.

Listinha de restaurantes da Cynthia:
– Le Matignon: “restaurante com balada o andar de baixo, o ambiente é super astral e a comida, ótima”.

– Le Relais de l’Entrecôte: “somente com um prato, entrecôte e batata-frita, amo! Costuma ter uma fila de espera gigante, mas de a ideia for um late lunch, nem se preocupe com a reserva”.

– L’Avenue – “famoso restaurante da Avenue Montaigne. Ideal para quem está fazendo compras, pois todas as melhores lojas estão ao redor. A dica é pedir o Crispy Duck”.

– Pershing Hall: “hotel boutique com ótimo restaurante, perto da Champs Élysees. É ideal para drinks antes de alguma festa ou um loongo jantar!”.

– Costes: “já faz anos que o Hotel Costes é um local bastante badalado, e até hoje é considerado o place to be  em Paris. Somente com reserva, é  lotado todos os dias da semana. Dica: burrata e parma de entrada”;
– L’Atelie de Joel Robuchon: “somente com reserva. É um restaurante pequeno, que só atende em dois horários 18:30 e 21:00. O restaurante tem poucas mesas, e um balcão enorme, aonde é possível ver todo o preparo dos pratos. O menu degustação contém 16 pratos!!”.

– Georges: “restaurante localizado no último andar do Pompidou, com uma vista incrível!  O terraço é o ponto alto do local, mas quando fomos estava extremamente quente então tivemos que optar pelo ar-condiconado e sentar na parte de dentro”.

work-travel-banner

– Mama Shelter: “hotel muito cool! Com um roof top pra lá de badalado e um restaurante com a decoração mais louca que já vi! Desde de bóias de patinho até o teto todo com frases escritas em giz! Bar e brunch muito bem frequentado. Projeto de Philippe Starck, era para ser um hotel “low cost”, hoje é ponto de encontro do pessoal bacana”.

– L’Opéra: “por ser do lado da Galerie Lafayette é ideal para um almoço pós-compras. Possui uma arquitetura incrível e drinks deliciosos”.

– Schwart’s Deli: “os parisienses consideram o melhor hambúrguer de Paris!”.

– Le Chateaubriand: “está entre os 10 melhores restaurantes do mundo. É bem pequeno e vive lotado! Sugiro reserva com algumas semanas de antecedência…”.

Para dançar:
– Bagatelle: “simplesmente incrível, e com certeza o place to be no quesito restaurante/balada de Paris. Totalmente parisiense, é localizado em um bosque aos arredores da cidade e é muito concorrido. Sugiro uma reserva para o jantar, que é a céu aberto, e depois esticar para dançar”.

– Raspoutine: “balada totalmente para insiders..uma dica importante é ter um esquema para entrar”.

– Club 79: “é do mesmo dono da L’arc, que era com certeza a melhor balada de Paris, mas infelizmente pegou fogo antes da temporada começar. O Club 79 é bem maior e com mais turistas do que as outras, mas é bem bacana também, do lado da Champs Elysées”.
Taí! Não deixe de seguir as dicas da Cynthia e não esqueça de dar uma passadinha no site Must Do: www.mustdo.com.br

estudar-canada-banner