Data Representação de um calendário 21/03/2016

Pontos turísticos pelo mundo: a vibrante Berlim

Pontos turísticos pelo mundo: a vibrante Berlim

Quando pensamos em Berlim, de imediato somos levados a um passado que envolve duas guerras mundiais, a Guerra Fria e o célebre muro que dividiu a cidade. É um local repleto de história, pontuado por construções antigas marcadas por um tempo que passou. Mas, além de tudo isso, Berlim é também uma cidade pulsante e moderna, que se renova a cada dia.
Continue lendo o texto de hoje e conheça um pouco mais sobre ela!

Diversão, cultura e arte

Berlim reúne hoje uma enorme quantidade de pessoas interessadas em criar, inovar e descobrir, o que faz com que a atmosfera da cidade seja de intensa criatividade. Tal característica pode ser vista em suas ruas, repletas de lojas descoladas, galerias de arte, estúdios musicais, centros de moda, street art e intervenções urbanas. Alguns bairros se destacam em todo esse emaranhado, consolidando-se como pontos de parada obrigatória para aqueles que desejam viver mais intensamente a experiência de estar na capital alemã.

Mitte, o coração de Berlim

O bairro de Mitte é o point para aqueles que querem ficar por dentro das últimas tendências da moda. Por suas ruas também é possível encontrar cafés, galerias de arte e museus.
Agitada, também, é a vida noturna em Mitte. Repleta de casas noturnas, é endereço certo daqueles que pretendem aproveitar a noite da capital alemã. Dentre os estabelecimentos espalhados pelo bairro, destacam-se os renomados clubes House of Weekend, Tresor, What?!, Asphalt, Félix e Bar Tausend. Se você quer aproveitar a noite de Berlim ao som de música eletrônica e ainda esbarrar em celebridades como Paris Hilton, Madonna, Usher e Michael Jordan, esses são seus endereços.

Kreuzberg, o lar da boemia

Boêmio por natureza, Kreuzber reúne uma série de feiras de rua, bares e restaurantes, com opções para todos os gostos. Você pode ir, por exemplo, ao Club der Visionäire, situado às margens do rio Spree. De aspecto rústico, é uma mistura de bar e clube e atrai tanto aqueles interessados em dançar quanto aqueles que pretendem apenas beber e bater papo.
Outra boa opção é o White Trash Fast Food, que mistura bar, restaurante e clube, tudo em um único endereço. Vizinho ao Club der Visiönare, aposta nas bandas que se apresentam ao vivo, privilegiando o rock como estilo musical.
Por fim o Watergate, também situado às margens do Spree, costuma abrigar DJs renomados de house e techno, sendo um endereço bastante procurado por aqueles que curtem esses estilos musicais. Suas paredes de vidro permitem que os frequentadores apreciem a bela vista do rio enquanto aproveitam a pista de dança.
Kreuzberg tem ainda uma curiosa piscina pública flutuante, conhecida como Badeschiff, localizada sobre as águas do Spree. Vale a pena conhecer!

Schöneberg, o bairro criativo

Não é por acaso que artistas como David Bowie, Billy Wilder e Christopher Isherwood fizeram de Schöneberg a sua morada em Berlim. Há tempos esse é o lugar onde se concentra o que é costumeiramente chamado de “buzz”, aquele burburinho resultante do encontro de várias mentes criativas, sobretudo no entorno da Winterfeldtplatz. O local é, ainda, um dos pontos de encontro do público gay na cidade.

Prenzlauer, a casa da arte

O que mais se pode dizer sobre um bairro que reúne mais de 10 mil artistas, oriundos dos mais diferentes cantos do mundo? Esse é Prenzlauer! Os destaques da região ficam por conta da Kollwitzplatz e de seu entorno, onde estão localizados dezenas de bares, cafés, restaurantes e casas noturnas. Também vale destacar o Mauerpark, que reúne todos os finais de semana um enorme número de interessados em visitar sua feira de antiguidades, seus bares ou simplesmente participar de seu imperdível karaokê gratuito, desafio para aqueles dispostos a se apresentar frente a uma plateia de algumas centenas de pessoas!

Friedrichshain, o bairro do momento

Lar de algumas das mais famosas baladas da cidade, Friedrichshain desponta como o destino do momento. Frequentada por artistas e estudantes, tem em suas ruas da antiga Berlim comunista o espaço ideal para a expressão artístico-cultural, seja em intervenções de street art, ou em seus museus, centros de moda e galerias de arte.
Depois de ler nossas dicas, ficou com vontade de conhecer Berlim? Já visitou a cidade e aproveitou algum destes destinos? Comente o post e compartilhe conosco suas dicas e opiniões!

[captacao-banner conteudo_titulo=”Receba dicas e promoções de intercâmbio” formid=”28499153-72a0-4ce0-ac6a-f8f87fc17b8a” conteudo_descricao=”Deixe seu email e receba dicas e promoções para estudar e trabalhar no exterior.”]

work-travel-banner
estudar-canada-banner