Data Representação de um calendário 02/08/2023

O que fazer em Glasgow: conheça as melhores atrações

Para quem busca o que fazer em Glasgow, vai se apaixonar pelos lugares e pelo conteúdo que separamos. Leia o artigo e confira nossas dicas!

É claro que há muito o que fazer em Glasgow. Afinal, estamos falando da maior cidade da Escócia!

A cidade conta com 600 mil habitantes e é a terceira maior cidade do Reino Unido! Ou seja, realmente, há muito o que fazer em Glasgow.

Só para você ter uma ideia, o destino conta com títulos como o de Cidade da Cultura, da Arquitetura e Design e Capital do Esporte.

Então, com certeza, na sua lista com o que fazer em Glasgow, não vai faltar opção.

Em 2008, Glasgow entrou para o programa Cidades Criativas da UNESCO, onde foi nomeada como Cidade da Música.

Ou seja, o destino é reconhecido no mundo inteiro em diversas áreas – e o seu cenário musical diversificado e potente é uma delas.

Glasgow se tornou um dos destinos mais visitados nas Ilhas Britânicas. E, justamente por ser tão requisitada, acabou se modernizando em tudo.

Continue a leitura e confira nossas dicas!

O que fazer em Glasgow

Ao viajar para a maior cidade da Escócia, você vai encontrar o centro da cidade todo estruturado.

Afinal, estamos falando do segundo lugar com as melhores lojas do país (depois de Londres), além de belíssimos parques, como Bellahouston Park, Botanic Gardens, Pollock Country Park e Glasgow Green.

A cidade também conta com excelentes museus – e a maioria é de graça!

São tantos que você talvez não tenha tempo para conhecer todos em uma única viagem ou intercâmbio, mas veja abaixo quais são os mais famosos:

  • Kelvingrove Art Gallery And Museum
  • Riverside Museum
  • The Mackintosh House
  • People’s Palace And Winter Gardens
  • Provand’s Lordship
  • St Mungo Museum Of Religious Life And Art

A seguir, saiba mais sobre alguns dos mais famosos pontos turísticos de Glasgow.

George Square

Essa é a principal praça da cidade.

É lá onde fica a Câmara Municipal – e várias estátuas de reis e rainhas relevantes para a história local.

A Praça é considerada o marco zero da cidade.

Por isso, alguns dos city tours e outros passeios turísticos têm a George Square como ponto de partida.

Centro histórico de Glasgow

Um lugar cheio de vida, em que a maioria das ruas são fechadas para pedestres.

Acima de tudo, o centro histórico de Glasgow é pura arte!

O local fica cheio de artistas de rua caracterizados no maior estilo “Coração Valente”, cantando músicas populares com suas gaitas de foles.

Incrível, não é?

Merchant City

Merchant City é uma área que foi completamente reformada, e atualmente, é uma das regiões mais caras da cidade.

Por trás dos badalados bares, restaurantes e galerias charmosas, existe uma história neste local.

Isso porque, antes do século XIX, a região era um importante polo industrial que produzia tabaco e açúcar.

West End e Universidade de Glasgow

O “fim do oeste”, em português, é uma região muito relevante para quem busca o que fazer em Glasgow.

São muitos cafés e bares charmosos em um clima bem britânico.

As ruas ao redor têm uma atmosfera bem boêmia, devido à proximidade com a Universidade de Glasgow.

Catedral de Glasgow e Necropolis

A Catedral de Glasgow é a mais importante da cidade.

Já Necropolis é um cemitério bem exótico que sobe por uma colina com mais de 60 metros de altura.

Sim! O cemitério pode ser considerado um dos pontos turísticos de Glasgow. Por lá, é possível caminhar pelos seus túmulos e monumentos – que são muitos.

E, ainda por cima, a vista lá de cima é incrível e é um lugar lindo para se tirar fotos!

Agora que você já sabe o que fazer em Glasgow, que tal conhecer pessoalmente esse lugar incrível?

Então, programe já sua viagem com os consultores da Intercultural.

banner dicas de viagem