Data Representação de um calendário 08/04/2021

Oktoberfest na Alemanha: 10 curiosidades surpreendentes!

Da Paris Hilton banida para sempre da festa a outras curiosidades! Confira agora fatos inéditos sobre a Oktoberfest na Alemanha!

Todo ano, os festeiros e cervejeiros de plantão se preparam para curtir a Oktoberfest na Alemanha. O festival acontece em Munique, no estado da Baviera, e é composto por trajes típicos, dialetos alemães, músicas divertidas, decoração azul e branca, corações gigantes de “bolacha de gengibre” e muito mais!

O local da Oktoberfest na Alemanha se chama Theresienwiese. “Wiesn”, para os íntimos, e possui 420.000 metros quadrados.

A Oktoberfest na Alemanha é uma das maiores festas do mundo e começa no terceiro sábado de setembro – não em outubro, como o nome remete – a partir do meio-dia e com uma celebração de abertura: desfile de cavalos, banda e convidados com trajes típicos.

Essas são as principais informações sobre essa famosa festa alemã. Mas o que vamos falar hoje são fatos super curiosos sobre o evento que quase ninguém sabe. Confira abaixo:

  • Não é um festival de cerveja
  • Não oferece cerveja
  • Nem só de cerveja vive o Oktoberfest na Alemanha
  • A “cerveja” é muito, mas muito forte
  • Só pode começar a beber com autorização do prefeito de Munique
  • A Oktoberfest não começa em outubro
  • A  festa se tornou um marco por uma necessidade
  • Paris Hilton foi banida da festa
  • Crianças são muito bem-vindas!
  • O setor de “achados e perdidos” é conhecido como “baú de tesouros”

10 curiosidades sobre o Oktoberfest na Alemanha

Não é um festival de cerveja

É isso mesmo que você leu! A Oktoberfest, na Alemanha, não tinha a intenção de ser um festival de cerveja, mas, sim, a celebração do aniversário de casamento do Príncipe Luís da Baviera e sua esposa, Princesa Teresa de Saxe-Hildburghausen. 

Quando o casal se uniu, em 1810, a realeza comemorou o evento com uma festa pública, sem nem um pinguinho de cerveja. Foi em 1819 que as corridas de cavalos foram substituídas por vendedores de cerveja.

Não oferece cerveja

Calma, não é que não tem a cerveja propriamente dita.  É que o festival oferece a bebida chamada de ‘Oktoberfestbier’. Ela é servida em 13 tendas enormes e feita por apenas seis cervejarias de Munique.

Essas bebidas são exclusivas do festival da cerveja na Alemanha. Tanto que se você ousar chamá-la por outro nome, pode criar um problema com os cidadãos locais.

Nem só de cerveja vive o Oktoberfest na Alemanha

A música também é um fator muito relevante nas celebrações. Cada tenda de bebidas apresenta bandas musicais que tocam uma mistura de sucessos de nomes como os Black Eyed Peas junto com clássicos tradicionais do Oompah alemão. 

Mas se você não quer só ouvir música, pode seguir para a tenda Armbrustschützenzelt. Um pavilhão popular para locais e estrangeiros. Lá, você pode passar seu tempo bebendo a Oktoberfestbier da cervejaria Paulaner, comendo um suculento joelho de porco e praticando arco e flecha na competição anual de tiro com besta.

A “cerveja” é muito, mas muito, forte

Elas não só são exclusivas da festa, mas as VIBs (‘Very Important Beers’= Cervejas Muito Importantes) também são bem fortes. 

Servidas em uma caneca ‘stein’ de 1 litro, a Oktoberfestbier média tem um teor alcoólico de 6%, o que as tornam mais fortes do que as bebidas convencionais. 

E, acredite, mesmo sendo fortes, elas são consumidas em volumes equivalentes a piscinas olímpicas – com 6,4 milhões de litros consumidos.

work-travel-banner

Só pode começar a beber com autorização do prefeito de Munique

Tá pensando que o festival da cerveja é bagunçado? É chegou, bebeu? Nada disso! Só se pode começar a beber quando o mestre de cerimônias, no caso o prefeito de Munique, abre o primeiro barril de cerveja, falando: “O’ zapft is” em português: “Está aberto!”.

A Oktoberfest não começa em outubro

Apesar do nome, este lendário evento de outono não começa em outubro. Com o passar dos anos, ele foi antecipado, começando em meados de setembro.

A  festa se tornou um marco por uma necessidade

Você nunca imaginou que beber cerveja iria fazer um bem para a sociedade, né? Pois na Alemanha foi assim que aconteceu! 

A razão pela qual a Oktoberfest se tornou um marco em Munique não foi por lazer, mas por necessidade. 

O sul da Baviera teve problemas com seu terrível abastecimento de água doce. Então, para combater a cólera, a peste e outras doenças, os moradores locais bebiam a alternativa mais segura, que no caso era a cerveja. 

Com isso, a purificação da água cresceu rapidamente desde o século XIX. Então, beba à sua saúde, ou ‘zum Wohl!’, como dizem os locais.

Paris Hilton foi banida da festa

Vestida com o seu vestido tradicional da Oktoberfest, a socialite americana apareceu no festival, em 2006, promovendo uma marca de vinho em lata. Isso sem combinar com os organizadores da Oktoberfest. 

Após uma revolta do público, a ousada Paris foi banida permanentemente de voltar ao Oktoberfest.

Crianças são muito bem-vindas!

Os organizadores recentemente resolveram deixar o cenário da festa mais familiar. 

Com uma roda-gigante, montanhas-russas, jogos e desfiles bávaros tradicionais abertos a pessoas de todas as idades!

O setor de “achados e perdidos” é conhecido como “baú de tesouros”

Isso porque no meio de tantas coisas perdidas como celulares, passaportes, bolsas etc., um cervejeiro disse ter perdido 50 mil euros em dinheiro. Por isso o nome.

Gostou de saber mais sobre o Oktoberfest na Alemanha? Que tal programar sua viagem para lá para curtir a festa e o país incrível? Fale com um de nossos consultores, clicando aqui.

estudar-canada-banner