Data Representação de um calendário 15/01/2016

Quais países mais oferecem oportunidades de estudo para brasileiros?

Quais países mais oferecem oportunidades de estudo para brasileiros?

É comum que quem esteja pensando em fazer um intercâmbio tenha dúvidas sobre qual país escolher para sua imersão cultural. Afinal, as opções são muitas, não só para adquirir proficiência em uma língua estrangeira, mas também para ter boas oportunidades de estudo no exterior.
Além da decisão sobre o destino, uma das maiores dificuldades que os estudantes brasileiros têm ao fazer um intercâmbio são os altos custos dos cursos oferecidos nos países de destino. A boa notícia é que esse obstáculo pode ser vencido em países que oferecem bolsas para estudantes do Brasil.
Se você deseja aproveitar essa oportunidade e se candidatar a uma bolsa, é necessário ficar atento: na maioria dos casos, o processo seletivo é anual e realizado em um determinado período, por isso é necessário atenção para não perder o período de inscrição. Como em muitos países o ano letivo tem início entre os meses de agosto e setembro, a maioria das seleções é feita no primeiro semestre do ano, ou até mesmo com um ano de antecedência do início do curso.
No post de hoje, listaremos alguns dos países que mais oferecem boas oportunidades para estudantes brasileiros. Não deixe de conferir!

Canadá

O Canadá conta com um programa chamado ELAP, que contempla estudantes brasileiros com bolsas de estudo de curta duração, entre 4 e 6 meses, para que sejam realizadas pesquisas de monografias, teses ou dissertações de graduação, mestrado ou doutorado no país.
Para participar do ELAP, é necessário estar matriculado em uma instituição de ensino superior brasileira que tenha um acordo de cooperação com alguma instituição de ensino superior canadense. Isso é necessário porque, enquanto estiverem no Canadá, os bolsistas devem continuar vinculados às universidades brasileiras.
As bolsas contemplam estudantes de diversas áreas como economia, agronomia, ciências naturais, química, biologia, relações internacionais, medicina, engenharia, direito, geologia, ciências da computação, entre outras.
Os estudantes selecionados para a bolsa são contemplados com um valor que varia entre 7200 e 9700 dólares canadenses, de acordo com a duração do período de estudos no país. Nesse valor estão inclusos o visto para o Canadá, despesas com moradia, plano de saúde, transporte e equipamentos para estudo, exceto computadores.
As inscrições para o ELAP devem ser feitas junto à Embaixada do Canadá no Brasil.

Dinamarca

Na Dinamarca existem programas de bolsas de estudo para jornalistas. Quem disponibiliza as bolsas é o programa de cooperação internacional Erasmus Mundus, financiado pela Comissão Europeia. Para participar da seleção anual é necessário ter concluído a graduação em jornalismo, ter atuado como jornalista em empresas ou veículos de comunicação brasileiros por pelo menos três meses e ter fluência na língua inglesa.
Cartas de recomendação de antigos professores e chefes também contam pontos, bem como o histórico escolar e portfólio de trabalhos produzidos.
Também na Dinamarca há oportunidades para graduados em ciência e tecnologia que desejam cursar mestrado no exterior. A Universidade Aarhus frequentemente oferece bolsas de estudo para mestrado nas áreas de química, nanociência, bioinformática, tecnologia da alimentação, engenharia elétrica e engenharia da computação.

Estados Unidos

Uma boa oportunidade para quem deseja estudar fora é fazer um curso preparatório para se candidatar a bolsas nas melhores universidades do mundo. Essa oportunidade é disponibilizada pela Universidade do Sul da Califórnia, localizada em Los Angeles, no estado americano da Califórnia, por meio do programa Undergraduate Preparation Program.
O programa criado pela USC tem duração de três meses e prepara estudantes para terem melhores resultados em testes de seleção aplicados nas universidades mundo afora, além de instigar outras importantes habilidades.
Essa oportunidade é voltada para estudantes brasileiros do ensino médio que tenham, no mínimo, conhecimento intermediário em língua inglesa, uma vez que o curso é ministrado nesse idioma.

Holanda

A Holanda disponibiliza bolsas de estudo para brasileiros por meio do programa Orange Tulip Scholarship Brazil. No programa, pode-se optar por cursar graduação, MBA ou mestrado, todos voltados para estudantes com excelência acadêmica.
Para participar da seleção do programa é necessário ter fluência oral e escrita em língua inglesa, pelo fato de todos os cursos serem ministrados nesse idioma. Além disso, é necessário já ter sido admitido ou estar em processo de admissão na universidade holandesa de interesse e não estar estudando ou trabalhando na Holanda.
A inscrição para o programa, em 2016, pode ser feita até o mês de abril, via e-mail da Neso Brazil. O procedimento completo pode ser encontrado no site da instituição.

Japão

O governo japonês, por meio do Ministério de Educação, Cultura, Esporte, Ciência e Tecnologia (MEXT), oferece bolsas de estudo para brasileiros no Japão. No programa são oferecidos cursos profissionalizantes, de pesquisa, graduação, tecnólogos, treinamento para professores e curso de língua e cultura brasileira.
As inscrições para o MEXT ocorrem todos os anos entre os meses de abril e junho, para os cursos em geral, e entre janeiro e fevereiro, para os que desejam concorrer a vagas para o Treinamento de Professores e Cultura e Língua Japonesa. O cadastro deve ser feito no Consulado Geral do Japão, na área de jurisdição do estado brasileiro em que o estudante reside.
Conseguir uma bolsa de estudos no exterior não é uma tarefa das mais fáceis. Isso porque, na maioria dos casos, a burocracia é muito grande e uma série de documentos é exigida. Além disso, também é necessário ter a proficiência no idioma do país de destino, não só para estudar, mas também para se comunicar com as pessoas no dia a dia.
Apesar da dificuldade, no final todo o esforço vale a pena, pois o intercâmbio traz benefícios que vão muto além de dominar melhor um segundo idioma ou ter um bom currículo. A experiência de viver em um país diferente é única e certamente você voltará ao Brasil com muito mais bagagem cultural, que fará uma grande diferença não só na sua vida profissional, mas também nos aspectos pessoais.
Para facilitar a sua vida e garantir as melhores oportunidades de estudo no exterior, você pode contar com a nossa ajuda. Visite nosso site e saiba mais sobre nossos serviços. O mundo te espera!

work-travel-banner
estudar-canada-banner